Conheça o Aquario
Meteorologia e Oceanografia

Operação Antártica XXXVI

Fonte: Marinha do Brasil.
Fonte: Marinha do Brasil.

 

Em 13 de outubro de 2017, foi iniciada a Operação Antártica XXXVI, que tem por objetivo realizar apoio logístico à Estação Antártica Comandante Ferraz, além de colaborar com projetos de ciência e tecnologia na região.

O Navio de Apoio Oceanográfico “Ary Rongel” desatracou do Rio de Janeiro no dia 13 de outubro, e o Navio Polar “Almirante Maximiano” partiu em direção ao continente gelado no dia 10 de novembro. Ambos permanecerão na Antártica durante seis meses, retornando ao Brasil em abril de 2018.

Durante a OPERANTAR, os navios auxiliarão em pesquisas nas áreas de oceanografia, hidrografia, meteorologia, biologia, geologia, entre outras áreas do conhecimento. As atividades científicas envolvem profissionais de instituições de ensino e pesquisa de todo o País e os Navios são utilizados como plataforma para coleta de dados e apoio nas pesquisas de campo na região polar austral.

Histórico do Programa Antártico Brasileiro

(Fonte: SECIRM/PROANTAR)

Desde a primeira vez em que o Brasil foi à Antártica, no verão de 1982-83, até os dias de hoje, o Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR) tem contribuído sobremaneira para o desenvolvimento da ciência antártica.

O PROANTAR foi criado em janeiro de 1982 e, naquele mesmo ano, a Marinha do Brasil (MB) adquiriu o navio polar dinamarquês “Thala Dan”, apropriado para o trabalho nas regiões polares, recebendo o nome de Navio de Apoio Oceanográfico (NApOc) “Barão de Teffé”.

No início de dezembro de 1982, o navio suspendeu, pela primeira vez, com a tarefa básica de realizar um reconhecimento hidrográfico, oceanográfico e meteorológico de áreas do setor noroeste da Antártica e selecionar o local onde seria instalada a futura Estação Brasileira. O sucesso da Operação Antártica I resultou no reconhecimento internacional de nossa presença na Antártica, o que permitiu, em 12 de setembro de 1983, a aceitação do Brasil como Parte Consultiva do Tratado da Antártica.

Na Operação Antártica II, realizada no verão de 1983-84, as principais tarefas foram o transporte, a escolha de local e a implantação da Estação Brasileira. Em 06 de fevereiro de 1984, foi instalada a Estação Antártica “Comandante Ferraz” (EACF), na Península Keller, Baía do Almirantado, Ilha Rei George, Ilhas Shetlands do Sul.

Sobre o autor

Centro de Hidrografia da Marinha

O Serviço Meteorológico Marinho brasileiro (SMM), executado pelo Centro de Hidrografia da Marinha, provê apoio ao navegante por meio da emissão de avisos de mau tempo, elaboração de cartas sinóticas e de boletins de previsão meteorológica para toda a METAREA V (área de responsabilidade marítima brasileira).

As atividades desenvolvidas pelo Serviço Meteorológico Marinho brasileiro são executadas em cumprimento a Convenção Internacional para Salvaguarda da Vida Humana no Mar (SOLAS 1974-1988, Ratificada pelo Brasil por meio do Decreto 92.610).

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário