Vela

Após a histórica 70ª Santos-Rio, começa nesta sexta-feira a ser definido o Campeão Brasileiro, no 51º Circuito Rio.

Evento organizado pelo Iate Clube do Rio de Janeiro vai até o feriado de segunda-feira, dia 2, e terá Lars Grael, Isabel Swan, Maurício Santa Cruz e o campeão da 70ª Regata Santos-Rio.

Crédito: Iate Clube do Rio de Janeiro 100 anos.

Começa nesta sexta-feira o 51ª Circuito Rio, outro tradicional eventos do calendário da Vela de Oceano do Brasil. Esta edição contará pontos para o Campeonato Brasileiro da classe ORC da ABVO – Associação Brasileira de Veleiros de Oceano.

Associação Brasileira de Veleiros de Oceano.

A competição terá regatas diárias até a decisão que, será no feriado do dia 2 de novembro, próxima segunda-feira . Ao todo serão quatro regatas. Na sexta será a regata Victor Demaison, a partir das 11h. Sábado, domingo e segunda, uma regata cada, sempre a partir das 13h.

A expectativa é ter acima de 40 veleiros na raia com inscrições ainda abertas nas classes ORC, IRC, BRA-RGS e BRA-RGS Clássicos.


Campeão da 70ª Santos-Rio,barco Ventaneiro / Crédito: Aline Bassi / Balaio de Ideias

Entre os destaques já inscritos, temos o veleiro Ventaneiro 3, campeão da histórica 70ª edição da Santos-Rio que bateu recorde com 68 barcos. O veleiro vai buscar dar sequência ao bom desempenho, em busca do título Brasileiro na ORC e terá como rivais o atual campeão Brasileiro em Búzios (RJ) ano passado, o veleiro Crioula 29, baseado no ICRJ e no Veleiros do Sul, em Porto Alegre (RS). O Crioula tem na tripulação, o velejador olímpico Samuel Albrecht.


DSC_2585 com Lars Grael no Avolhai durante a 70ª Santos-Rio

O Avohai, com o duas vezes medalhista olímpico Lars Grael, marca presença e buscará o caneco. Lars foi recentemente campeão na regata de 100 anos do Iate Clube do Rio de Janeiro.

Selo comemorativo de 100 anos do ICRJ.

Vice-campeão da Santos-Rio, o Xamã Red Noose, de Ilhabela (SP), vai buscar um degrau acima no pódio. O barco é comandado por Sérgio Klepacz.

O Rudá/Blue Seal, com Mario Martinez, terceiro lugar na 70ª Santos-Rio, vai brigar pelo título nacional. Fita Azul na Santos-Rio, o carioca Sorsa III, de Celso Quintella, vai buscar bons resultados.

SORSA III Fita Azul na Santos-Rio 2020

O barco santista Inaê 40 Transbrasa, comandado por Bayard Neto, terá presença durante algumas das quatro regatas de Torben Grael, bicampeão Olímpico.

O barco Marujo’s, do Aratu Iate Clube, de Salvador (BA), pretende surpreender os favoritos.

Na classe IRC teremos em destaque o Boto V, de Paraty (RJ), que terá mais uma vez, a presença da medalhista de Bronze Olímpica, Isabel Swan, que fez a 70ª Santos Rio. O veleiro é comandado por André Sobral.

O Minna terá uma das duas comandantes feminina na raia, Elisa Mirow. O veleiro foi o terceiro lugar na Santos-Rio.

O Danadão, atual campeão Brasileiro na classe IRC, terá a presença do pentacampeão mundial, Maurício Santa Cruz em barco comandado por Guilherme Raffare.

O Itajaí Sailing Team, de Itajaí (SC), vai representar Santa Catarina, e o Phantom of the Opera representa o Espírito Santo na classe. O +Bravíssimo é outro barco do Iate Clube do Espírito Santo que disputa a ORC. 

“Na ORC teremos maior número de barcos que correram a Santos-Rio e um bom número nas demais na IRC. Expectativa é entre 40 e 50 barcos. Previsão é de bons ventos todos os dias porém, com chuva tanto na sexta e sábado e templo nublado no domingo. Deve só ficar bom o tempo na segunda-feira”, disse Ricardo Baggio, diretor de vela do Iate Clube do Rio de Janeiro.

Barcos com atletas dos projetos sociais Grael e Navega SP disputam competição

Após a experiência na 70ª Santos-Rio, os barcos Bravo, de São Paulo, e o Sexta-Feira, de Niterói (RJ), vão disputar o 51º Circuito Rio. O Bravo virá com dois representantes de projetos sociais de vela, o Grael e o Navega SP. O veleiro completou a Santos-Rio, uma das mais difíceis da história: “Foi dureza pra gente, mais dura da minha vida. Nunca tinha pego uma Santos-Rio tão braba. Chegamos bem, mas tivemos que deixar o espírito de competição de lado e partimos só para questão de sobrevivência para bater a meta de cruzar a linha de chegada com saúde e o barco inteiro”, disse Alex Sandro, morador de comunidade carente, filho de empregada doméstica e despachante rodoviário, que conheceu o projeto Grael quando adolescente.

O veleiro Sexta-Feira participará na classe BRA-RGS somente com atletas do projeto Grael. O barco vai tentar dar a volta por cima. Na 70ª Santos-Rio não conseguiu largar por problemas e desistiu da regata.


Atletas do Projeto Grael Crédito: https://www.aseguirniteroi.com.br/post/velejadores-de-projetos-sociais-de-niter%C3%B3i-disputam-a-70%C2%AA-regata-santos-rio

Premiação 70ª Santos – Rio

Durante a disputa do 51º Circuito Rio teremos a cerimônia de premiação da 70ª Santos-Rio que terminou na terça-feira. Ela vai acontecer no sábado, dia 31, no IateClube do Rio de Janeiro a partir das 20h. A premiação do 51º Circuito Rio será na segunda, às 19h.

Programação 51º Circuito Rio

30/10/2020 SEXTA

10h Término das Inscrições

11h Regata Victor Demaison

31/11/2020 SÁBADO

13h Regata

20h Cerimônia de Premiação – Regata Santos Rio 

01/11/2020 DOMINGO

13h Regata

18h Cerimônia de Premiação da Regata Victor Demaison

02/11/2020 SEGUNDA

13h Regata

19h Cerimônia de Premiação – Pérgula da Piscina

O 51º Circuito Rio tem a organização do Iate Clube do Rio de Janeiro com apoio da Associação Brasileira Veleiros de Oceano.

Mais informações com Fabrizio Gallas pelo +55 21 994004061, ou <fabrizio@gallaspress.com.br>

Sobre o autor

Redação Rumar

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário